Wednesday, January 25, 2006

A unanimidade é burra

Foi só o meu ex-chefe (do qual muito me orgulho) escrever um comentário ruim sobre Seu Jorge que o mundo veio abaixo. Na verdade, ele só encerrou o texto com uma farpazinha direcionada ao músico, e não dedicou um texto inteiro a acabar com a carreira do cara.
Mas não tem jeito. Nego sentou o pau nos comentários - o que deve ter feito, pelo que conheço do meu ex-chefe, com que ele caísse na gargalhada.

Seu Jorge virou unanimidade depois de Cidade de Deus. Que saco. A coisa mais chata é você não concordar com o que todo mundo concorda - seja sobre Seu Jorge, Central do Brasil, Gabriel Garcia Marquez ou Bukowisky.
Caramba, ninguém tem idéia do que eu já passei por não gostar de Bukowisky!

No fundo, no fundo, o mundo é Geisel.

2 comments:

Gabriela said...

haha
Concordo total.
Mas deixa eu dizer uma coisa, Bukowski é fodah !!!!!
hahaha
me da um email que eu vou te mandar um e-livro de um cara que promete.

bjos !

zander catta preta said...

Bukowiski quando é bom, é bom demais. Mas quando é ruim... :-p é intolerável.