Thursday, April 27, 2006

Quem entrou no meu Orkut

Engraçada essa história de agora aparecer o nome de quem andou bisbilhotando a sua página do Orkut. Uns dias depois da mudança de configuração me deparo com a listinha de visitantes. Todos ok, amigos e tal, até que - tchanan - surge um nome estranho. Quer dizer, estranho no sentido de não fazer parte do meu círculo social internético, mas conhecido por se tratar da ex-namorada do meu namorado. Peraí, o que a ex-namorada do Ninja anda fazendo por aqui? Ninja e eu rimos da curiosidade da outra e a história se deu por encerrada (se bem que não jogo a primeira pedra, já que eu mesma me envenenei com a falta de privacidade da rede).

Na era pré-ninjal, quando eu tinha um namoradinho tralálá, cismava de passar, de cinco em cinco minutos, no scrapbook do rapaz. Resultado: chegou o dia em que vi uma mensagem sensual de uma amiga vitaminada (era assim que ela se descrevia). Fiquei brabíssima, briguei com o namoradinho tralálá e decidi me matar no Orkut. Foram meses sem participar de comunidades péla sacas e de trocar mensagens sem sentido. Não senti falta.

Depois voltei. Voltei porque o próprio Ninja queria que eu voltasse, convidando para uma comunidade chamada "Eu sou foda", e como na época essa era uma piada interna nossa, aceitei a oferta. O fato é que eu acabei nunca fazendo parte do grupo de pessoas foda, mas ao mesmo tempo passei a usar o meu Orkut como agenda de endereços on line. Deu certo, mas volta e meia vejo que aquilo ali já deu o que tinha que dar, que perdeu a graça pra quem já conhece de cor e salteado tudo o que vai acontecer na tal 'rede de relacionamentos'. Pode ser um papo blasé, mas é que eu sou megablasé de vez em quando mesmo. Fazer o quê.

paralelamente, fui apresentado a um documentário bacaninha do diretor David Chapelle. Chama-se Rize, e fala de movimentos de streetdance que dominaram LA. Obviamente, o filme não foi lanlçado no Brasil, mas pra quem gosta de cinema e música e dança, vale baixar na internet. Afinal, essa rede serve pra isso, né. Mais do que para ficar procurando recadinho em páginas de adolescente.

5 comments:

dexter55kirsten said...
This comment has been removed by a blog administrator.
maybe said...

Orkut é uma merda, mas serve pra manter contato com os amigos distantes. Agora eu eu moro na civilização não abro mão! Hahahaha! Beijos!

lui said...

cara, que curioso vc falar do david chapelle. tem um argentino que organiza a expo que o david fará no MALBA que entrou em contato com a gente para tentar expor o trabalho do cara no brasil!!! hoje mesmo eu mandei contatos!!! uuhhuuu. tomara que venha. beijo! lui

Anonymous said...

vc reclama da privacidade na rede em relação ao orkut? q patético... qualquer um escreve blog agora...

Anonymous said...

vc reclama da privacidade na rede em relação ao orkut? q patético... qualquer um escreve blog agora...